2014

CONSULTORIA DE MÍDIA: Pew Lança Programa Global para Proteger Pinguins Nova campanha visa a cooperação internacional para proteger espécies sentinelas

WASHINGTON, 22 de abril de 2014 /PRNewswire/ -- As pessoas que gostam de Pinguins no mundo inteiro irão se unir para observar o Dia Mundial do Pinguim em 25 de abril, e o Pew Charitable Trusts participa da celebração anunciando o lançamento do primeiro esforço global visando proteger pinguins em qualquer lugar aonde eles vivem. 

Vídeo - http://www.youtube.com/watch?v=NAJ7g9vX6r0
Foto - http://photos.prnewswire.com/prnh/20140421/76814
Foto - http://photos.prnewswire.com/prnh/20140421/76813

Dezoito espécies de pinguins se espalham desde o frio da Antártida até o calor equatorial das Ilhas Galápagos. A interferência dos humanos na forma de poluição, degradação do habitat, predadores introduzidos e a pesca excessiva está afetando a saúde dos pinguins. Mudanças no clima que derrete e muda o gelo dos oceanos, aumentam os desafios que estes pássaros enfrentam. A maioria das espécies está em declínio, de acordo com a International Union for Conservation of Nature.

"A proteção de Pinguins é crítica não apenas para estas espécies icônicas, mas para todos os ecossistemas oceânicos," disse Andrea Kavanagh, diretor de conservação global de trabalho da Pew e Oceano Antártico. "Pinguins são sentinelas da saúde do oceano e alterações nas suas populações podem indicar problemas para outras espécies que dependem de uma cadeia alimentar robusta."

A Pew irá trabalhar para restaurar e proteger os locais de criação e alimentação nas águas costeiras dos países através do Hemisfério Sul, bem como lutar para estabelecer grandes reservas marinhas, no Oceano ao Sul da Antártida.

Como membro da Aliança do Oceano Antártico, a Pew está ativamente envolvida no esforço para estabelecer proteções marinhas em larga escala no Oceano Antártico. Apesar das reservas não diminuirem os impactos das alterações do clima, elas ajudam as espécies, como os pinguins, build resilience, abundância e diversidade, e oferecer refúgio das crescentes pressões de pesca.

A Commission for the Conservation of Antarctic Marine Living Resources, ou CCAMLR, é o corpo internacional baseado no consenso encarregado de governas estas águas. Composta de 24 países membros e a União Europeia, a comissão está considerando propostas para reservas marinhas no Mar de Ross e águas ao Leste da Antártida. Neste encontro anual de outubro, a CCAMLR irá debater as propostas pela quarta vez. A Pew espera que este ano, decisões serão tomadas.

No ano passado, a international community could not agree on a plan to protect some of Antarctica's valuable penguin habitat because of objections from Russia (comunidade internacional não pode concordar sobre um plano para proteger alguns dos valiosos habitats dos pinguins na Antártida devido às objeções da Rússia.) Mas estas águas e estes habitats devem ser preservados.

"O Tratado da Antártida foi assinado no auge da Guerra Fria para proteger todo o continente. Agora, é a vez dos Oceanos do Sul se voltarem para um comprometimento internacional de conservação," disse Kavanagh. "Nós todos dependemos de um oceano saudável para sobreviver. As diferenças políticas de hoje não devem ser um entrave para a proteção dos pinguins e a vida marinha vulnerável."

Notas para os Editores

O Tratado da Antártida foi assinado em dezembro de 1959 pela Argentina, Austrália, Bélgica, Chile, França, Japão, Nova Zelândia, Noruega, África do Sul, União Soviética, Reino Unido e os Estados Unidos. Entrou em vigor em 1961 e enfatiza a Antártida como um lugar de paz e para pesquisas científicas compartilhadas.

TA e Commission for the Conservation of Antarctic Marine Living Resources, ou CCAMLR, foi estabelecida em 1982 para conservar a vida marinha. A Medida de Conservação da comissão 91-04 oferece uma estrutura para o estabelecimento de áreas marinhas protegidas. Saiba mais: http://archive.ccamlr.org/pu/E/e_pubs/cm/11-12/91-04.pdf.

Para mais informações sobre o trabalho global de conservação dos pinguins da Pew, incluindo vídeo, um mapa interativo das espécies de pinguins, e formas de ações, visite www.pewenvironment.org/penguins.

Para saber mais sobre edições do trabalho da Pew no Southern Ocean e na CCAMLR, visite www.pewenvironment.org/SouthernOcean.

O Pew Charitable Trusts é movido de ppoder do conhecimento para resolver os problemas mais desafiadores de hoje. Saiba mais em www.pewtrusts.org

CONTATO: Leah Weiser, 202-540-6304, lweiser@pewtrusts.org

FONTE The Pew Charitable Trusts

SOURCE The Pew Charitable Trusts



RELATED LINKS
http://www.pewtrusts.org

More by this Source


Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.