Novo relatório LEED mostra um crescimento súbito da construção sustentável na economia brasileira

Brasil aumenta a sua quota global do mercado de green building com o LEED

Aug 11, 2015, 10:45 ET from U.S. Green Building Council

SÃO PAULO, 11 de agosto de 2015 /PRNewswire/ -- O U.S. Green Building Council (USGBC) divulgou hoje o seu relatório LEED in Motion: Brazil, mostrando ganhos significativos no mercado de green building (construção sustentável) no Brasil e no crescimento ano a ano em certificações LEED no país. O relatório surge num momento em que a indústria brasileira de green building está sediando a principal conferência da América do Sul sobre green building, a GreenBuilding Brasil International Conference and Expo, que acontece esta semana.

"As construções com certificação LEED ajudam o Brasil a aumentar a sua economia sustentável (verde). Estamos orgulhosos pelo fato de que o súbito crescimento em green building tenha gerado com sucesso este efeito multiplicador em toda a economia do país", disse Roger Platt, presidente do USGBC. "Como padrão internacional em design sustentável e de green building, o LEED facilita para as empresas brasileiras empreendedores a atração de novas fontes de investimento direto estrangeiro, o aumento da competitividade da sua carteira de imóveis e o posicionamento como líderes na economia sustentável do futuro."

As construções são responsáveis por 30% ou mais do total de emissões de carbono e muitos países recorrem às reformas de edifício para reduzir sua pegada e estimular a criação de emprego. No mês passado, o USGBC anunciou que o Brasil está entre os cinco países para o LEED green building. O Brasil subiu no ranking anual dos 10 principais países para o LEED, um ranking internacional destinado a celebrar os países e regiões fora dos EUA que demonstram liderança na indústria de green building por meio da adoção em larga escala do LEED.

O Brasil recebeu elogios internacionais generalizados no ano passado como a nação com a maior queda nas emissões de gases de efeito estufa no mundo. Com base nesse histórico louvável e em sua posição como líder mundial em green building, o Brasil está prestes a fazer parte das negociações sobre o clima da COP 21 da ONU em Paris no final deste ano como um modelo de desenvolvimento econômico sustentável.

Há mais de 1.000 projetos que participam do LEED e cerca de 24,5 milhões de metros quadrados brutos (GSM) de espaço com certificação LEED no Brasil. A indústria de green building cada vez mais proeminente do Brasil possui importância regional devido à posição do país como âncora econômica da América do Sul. O aumento constante do LEED no Brasil, mesmo enfrentando o atual ambiente econômico desafiador no país, está pronto para reforçar o green building nos países vizinhos.

"Estamos muito orgulhosos e otimistas com o LEED green building no Brasil com base na diversidade de tipos de projetos que agora estão recebendo certificações em todo o país", disse Felipe Faria, diretor executivo do Green Building Council Brasil. "A certificação LEED torna-se mais popular para todos os tipos de projetos, desde edifícios comerciais, plantas industriais e centros comerciais até lojas de varejo, escolas, edifícios públicos, residências e espaços esportivos. Estes projetos representam um grupo diverso público e privado de partes interessadas, associações e ONGs que estão engajados em um esforço de colaboração que visa a promoção de práticas de green building, e acreditamos que essa atmosfera positiva irá acelerar a transformação que deve ocorrer."

Como observado no relatório, o USGBC tem uma forte base de associados no Brasil e um número crescente de empresas e organizações no país vê no sistema de classificação de green building mais popular do mundo um meio de demonstrar o seu compromisso com a responsabilidade social, ampliando a sua agenda de sustentabilidade ambiental e reforçando a sua competitividade econômica. Há também mais de 270 profissionais do LEED no Brasil.

Sobre o U.S. Green Building Council

O U.S. Green Building Council (USGBC) está comprometido com um futuro próspero e sustentável através de green buildings com custos mais baixos e economia de energia. O USGBC trabalha em sua missão de transformar o mercado através do seu programa LEED green building, grandes ofertas educacionais, uma rede nacional de capítulos e afiliados, a Greenbuild International Conference & Expo (Conferência e Exposição Internacional de Greenbuild) anual, o Center for Green Schools (Centro de Escolas Sustentáveis) e advocacia em apoio à política pública que incentiva e permite as green buildings e comunidades. Para mais informações, visite usgbc.org, explore o Portal de Informações sobre o Green Building (GBIG) e se conecte pelo TwitterFacebook e LinkedIn.

Sobre o LEED

O sistema de certificação LEED green building do U.S. Green Building Council é o principal programa para o projeto, construção, manutenção e operação de green buildings. Todos os dias, 170.000 metros quadrados brutos (GSM) de espaço é certificado utilizando o LEED. Mais de 72.500 projetos comerciais e institucionais estão atualmente participando do LEED, compreendendo 1,28 bilhão GSM de espaço de construção em mais de 150 países e territórios. Além disso, mais de 82.000 unidades residenciais já foram certificadas no âmbito do LEED para o sistema de classificação de casas. Saiba mais em usgbc.org/LEED.

Contato:
Marisa Long, USGBC
202-552-1500
mlong@usgbc.org
Siga-nos no Twitter @usgbc

FONTE U.S. Green Building Council

SOURCE U.S. Green Building Council



RELATED LINKS

http://www.usgbc.org