ContourGlobal Assina Contrato com a República do Ruanda para Desenvolver - Projecto de Gás Metano no Lago Kivu

03 mar, 2009, 11:53 GMT De ContourGlobal

NOVA IORQUE, March 3 /PRNewswire/ --

- 325 Milhões de US Dólares é o Maior Investimento da História do Ruanda e irá Aumentar 100 MW de Electricidade

A ContourGlobal anunciou hoje que a sua subsidiária ContourGlobal Kiwuwatt Ltd assinou um acordo com a República do Ruanda para desenvolver uma instalação integrada de extracção de gás e produção de electricidade que irá fornecer 100 MW de electricidade produzida por gás natural, ao Ruanda e à Região da África Oriental.

O projecto Kivuwatt de US$325 milhões da ContourGlobal será a primeira fábrica em larga escala a extrair metano das profundezas do Lago Kivu, um lago de águas profundas situado na fronteira do Ruanda e da República Democrática do Congo. O Lago Kivu possui uma fonte única de energia, o gás metano existente em solução a grande profundidade nas águas do lago. Este gás pode ser captado para a produção de energia. A extracção do gás mitiga também em grande parte os prejuízos ambientais associados à libertação natural dos gases do lago e proporciona uma fonte, amiga do ambiente e sustentável, de produção de energia.

A ContourGlobal irá desenvolver, construir e explorar um sistema de extracção de gás baseado em plataforma que ficará ancorada ao largo da costa ruandesa e irá extrair gás metano a uma profundidade de 350 metros. O gás será processado e transportado por pipeline para a central de produção de energia da ContourGlobal que está a ser criada em Kibuye, Ruanda. A central de energia é o primeiro Projecto Energético Independente criado no Ruanda e irá mais do que duplicar a quantidade de electricidade actualmente gerada no país. Além disso, a electricidade gerada pelo projecto ficará também disponível para servir os países da África Oriental como o Uganda, a República Democrática do Congo e o Burundi.

A ContourGlobal tem vindo a conceber e a desenvolver o projecto há dois anos e realizou grandes sondagens no leito marinho e recolha de amostras de gás nas partes mais profundas do Lago. O projecto será construído em duas fases, com a primeira de 25 MW que ficará operacional em 2010 e a segunda de 75 MW que entrará em funcionamento em 2012.

A electricidade gerada pelo projecto ajudará o país da África Oriental a ultrapassar a grave crise de escassez de electricidade que inibiu o seu crescimento económico e levou à desflorestação da região do Lago Kivu, porque os habitante não tinham outra alternativa senão utilizarem a madeira como combustível. O projecto está situado numa região que está desesperada por fontes de energia menos caras e mais fiáveis.

O componente de produção eléctrica do projecto será alimentado pelos motores de queima de gás natural. A ContourGlobal Kivuwatt Ltd entrou num acordo de concessão de 25 anos e de aquisição de energia mediante o qual venderá a electricidade gerada pela central de energia à empresa ruandesa de distribuição eléctrica, a Electrogaz.

Joseph Brandt, Presidente e Chief Executive Officer da ContourGlobal, declarou: <<Sentimo-nos honrados por o governo do Ruanda nos ter escolhido para nos confiar o desenvolvimento deste recurso único. O gás do Lago Kivu irá proporcionar uma fonte limpa de produção de energia para a região que sofre de extrema escassez de electricidade fiável e comportável. A utilização do recurso do gás do Lago servirá também para reduzir o risco de uma libertação incontrolada do gás do Lago. O nosso projecto da Kivuwatt irá gerar electricidade de baixo custo para ser utilizada no Ruanda e na região mais alargada e permitirá que o governo do Ruanda forneça electricidade a preço comportável a milhões dos seus cidadãos.>>

Craig Huff, Co-Chief Executive Officer do Reservoir Capital Group e Presidente da ContourGlobal disse: <<A próxima década vai assistir a um rápido desenvolvimento do potencial de produção de electricidade da África e estamos entusiasmados por liderarmos essa iniciativa com este projecto inovador. A ContourGlobal tem uma importante rede de promissoras empresas de nova geração em África e continuamos a achar a região atraente para investimento. O governo do Ruanda foi um excelente parceiro de desenvolvimento e agradecemos-lhe o seu apoio. As políticas do governo criaram um clima muito atraente para os investidores internacionais.>>

O Ministro de Estado encarregado do sector de Energia e Água no Ministério da Infra-estrutura da República do Ruanda, Dr. Albert Butare afirmou: <<As negociações com a ContourGlobal ao longo dos últimos 17 meses provaram dar resultados muito produtivos. O governo do Ruanda conseguiu inaugurar, com êxito, a primeira fábrica-piloto de 4 MW de Gás Metano, em Novembro de 2008, que está agora a fornecer electricidade à rede nacional. Mas assinar os contratos com a ContourGlobal para o projecto de gás-metano-para-energia de 100MW representa um novo e muito importante passo para um fornecimento futuro e fiável de energia ao Ruanda. O fornecimento suficiente de energia será o requisito subjacente para atingir o objectivo do governo de aumentar drasticamente o acesso da sua população e das suas indústrias à electricidade e, por isso, este projecto é tão importante para nós. É o primeiro do seu género em termos de magnitude de cooperação com investidores privados no sector de energia e estamos ansiosos pela sua implementação.>>.

A ContourGlobal desenvolve e explora negócios de energia eléctrica e aquecimento combinados em todo o mundo, para governos e empresas multinacionais. A empresa concentra-se tanto nos mercados em grande crescimento, como nos mal servidos e nos nichos inovadores nos mercados desenvolvidos, tais como energia renovável e Combined Heat and Power (ChP). A empresa é constituída por onze empresas em funcionamento e construção em quatro continentes com capacidade de gerar cerca de 1000 MW e uma rede activa de actividade de novos desenvolvimentos que totaliza 10 000 MW.

Em África, a ContourGlobal está actualmente a construir projectos de produção de electricidade em três países: Togo, Nigéria e Ruanda. A empresa está também a desenvolver projectos adicionais na África Subsariana.

A Reservoir Capital Group é uma empresa de investimentos privada que gere cerca de US$4 biliões e é a accionista que controla a ContourGlobal.

Além da ContourGlobal e do governo do Ruanda, os participantes e assessores do projecto de Kivuwatt são: Wartsila (fornecedor da estação de geração de electricidade), Antares Offshore (assessor na extracção de gás), Norton Rose (conselheiro da ContourGlobal Kivuwatt Ltd) e o conselheiro do governo do Ruanda, Hogan & Hartson and Kelley, Drye and Warren.

Visite a ContourGlobal na web em www.contourglobal.com

FONTE ContourGlobal