Lulu Enterprises Apresenta Queixa contra Hulu por Infracção contra a Marca

11 set, 2007, 00:36 BST De Lulu.com

RALEIGH, Carolina do Norte, September 10 /PRNewswire/ --

Lulu Enterprises (www.lulu.com) anunciou hoje que apresentou queixa contra a N-F Newsite LLC (<<Hulu>>) por infracção contra a marca, por práticas desonestas e enganadoras e por pirataria informática federal.

Na queixa, apresentada no US District Court em Raleigh, NC, a Lulu alega que a Hulu (www.hulu.com), como resultado do seu nome recente e dos anúncios no domínio na Internet, tentou intencionalmente para criar confusão no mercado. A Hulu, no nome, como marca e na sua actividade como plataforma de distribuição digital de conteúdos, representa nitidamente uma usurpação.

Além do conflito comercial no caso do vídeo digital, a queixa contra a marca da Hulu, apresentada a 22 de Agosto de 2007, identifica vários produtos e serviços, muito dos quais relacionados e até idênticos a serviços que a Lulu fornece sob as suas marcas Lulu.

<<Passámos mais de cinco anos e investimos dezenas de milhões de dólares para criarmos com êxito a marca Lulu e para instalarmos o site onde milhões de consumidores podem publicar, comprar, vender e gerir conteúdos digitais>>, disse o CEO da Lulu, Bob Young. << Não há dúvida de que temos de actuar rapidamente para proteger a nossa propriedade intelectual e para nos defendermos desta infracção antes que ela prejudique gravemente o nosso negócio.>>

A Lulu (www.lulu.com e www.lulu.tv), uma empresa privada, foi fundada em 2002 e permite aos criadores publicarem conteúdos contextuais e multimédia numa série de aplicações. A Lulu tem cerca de 1,2 milhões de utilizadores registados e recebe mais de três milhões de visitantes individuais por mês no seus sites globais. Os utilizadores do Lulu publicam mais de quatro mil novas peças de conteúdos - livros, vídeos, calendários, música - todas as semanas está a aumentar rapidamente com cerca de 15 000 novos registos por semana. Como um mercado, a Lulu pagou milhões de dólares de honorários de criação.

    
    Web site: http://www.lulu.com
              http://www.lulu.tv
              http://www.hulu.com

FONTE Lulu.com