O que desencadeia o tifo exantemático? Actualização sobre a Encefalite Transmitida pela Carraça e a sua Prevenção

05 fev, 2008, 13:32 GMT De Public Health PR Projektgesellschaft

VIENA, Áustria, February 5 /PRNewswire/ -- Um workshop organizado pelo International Scientific Working Group sobre a Encefalite Transmitida pela Carraça (ISW-TBE), realizada em Baden/Viena, teve por objectivo despertar a opinião pública para a TBE e informar da eficácia da vacinação. A encefalite transmitida pela carraça, uma doença viral transmitida por carraças infectadas, pode deixar sequelas permanentes nas pessoas infectadas. A percentagem de casos fatais é de 1 a 2%.

Turismo acidental e TBE

Nas últimas três décadas, a TBE tornou-se um problema crescente de saúde pública, com cerca de 13 000 casos de TBE todos os anos. Ao mesmo tempo os movimentos de viajantes de regiões não endémicas para regiões de alto-risco estão a aumentar e por isso o turismo está a ter um papel importante. A TBE é endémica em regiões de 27 países europeus, sobretudo da Europa Central e Oriental, mas também no Norte da Europa e novos focos de TBE são detectados todos os anos. Os países anfitriões do Campeonato Europeu de Futebol de 2008, a Áustria e a Suíça estão entre as regiões de risco de TBE, mas "há ainda uma falta de conhecimento entre a maior parte do público europeu em relação ao risco potencial durante viagens para áreas onde a TBE é endémica", refere - Dr. Martin Haditsch, do Insituto de Higiene, Microbiologia a Medicina Tropical de Linz, Áustria. "A vacinação é recomendada a todos os que viajam para áreas onde a TBE é endémica", explica o Prof. Michael Kunz, Presidente do ISA-TBE.

Luta contra a TBE - uma história de sucesso Austríaca.

A Áustria é o país com a taxa de vacinação de TBE mais elevada. 88 por cento dos Austríacos tomaram pelo menos uma vez a vacina da TBE. "Dai resulta que os números de novos infectados por TBE na Áustria anualmente tenham caído 10% em relação à época anterior à vacinação, apesar de os países vizinhos da Áustria terem experimentado um aumento assinalável de infectados pela TBE", explica o Prof. Franz Xavier Heinz, do Instituo de Virologia, da Faculdade de Medicina de Viena, Áustria

Mais informação: http://www.ISW-TBE.info

http://www.TBE-prevention.info

    
    Para mais questões, por favor contacte:

    Michael Leitner, 
    Public Health PR-Projektgesellschaft.mbh, 
    Telf: +43(0)1-602-05-30-0, 
    Email: michael.leitner@publichealth.at

FONTE Public Health PR Projektgesellschaft