Performance de Ilusionismo garante nota 10 à Comissão de Frente da Beija-Flor, campeã do carnaval 2011 do Rio de Janeiro

10 mar, 2011, 16:58 GMT De Issao Imamura

SÃO PAULO e RIO DE JANEIRO, March 10, 2011 /PRNewswire/ --

- Issao Imamura comemora título na quadra da escola, ao lado do coreógrafo Carlinhos de Jesus

Issao Imamura, primeiro ilusionista do Brasil, responsável pela performance, com participação da atriz Claudia Raia, da Comissão de Frente da Beija-Flor, campeã do carnaval 2011, comemora o título na quadra da escola de Nilópolis. O enredo "A Simplicidade de um Rei" homenageou o cantor e compositor Roberto Carlos.

Essa foi a primeira participação de Issao Imamura no desfile da Beija-Flor e fortalece sua parceria com o coreógrafo Carlinhos de Jesus. Ambos trabalharam juntos em 2003, quando o ilusionista aceitou o desafio de 'levitar Moisés na avenida', o que ocorreu, também na comissão de frente, na tradicional Escola de Samba Estação Primeira de Mangueira.

"Carlinhos de Jesus é disciplinado para comandar a equipe e entende as necessidades do ilusionismo. É um dos poucos profissionais de sua área que conseguem fundir as duas artes - a dança e o ilusionismo", diz Imamura, comemorando a conquista. Ele também destaca que "a Beija-Flor estava maravilhosa. Fiz questão de permanecer no Rio para acompanhar a apuração e comemorar o resultado com Carlinhos de Jesus e Claudia Raia", diz Issao, que considera este um carnaval histórico para a magia e o ilusionismo, pois três grandes escolas, no Rio e em São Paulo, lançaram mão das técnicas e de seus truques para mobilizar o público na avenida.

Desenvolvido especialmente para surpreender os espectadores, - efeito ilusionista realizado na Marquês de Sapucaí reuniu também dança e música e fez toda a Comissão de Frente da escola se materializar e desmaterializar. Ou seja: aparecer e sumir diversas vezes. "Estes números mexem com as pessoas. O público levantou na avenida no Rio, bem como em São Paulo, e temos imagens até dos jurados aplaudindo a apresentação de ilusionismo", enfatiza Issao.

FONTE Issao Imamura