Vídeo: Primeira Missão Social Poética de Guy Laliberte no Espaço

12 out, 2009, 19:26 BST De Cirque du Soleil

MOSCOVO, October 12 /PRNewswire/ --

- "Mover as Estrelas e a Terra pela Água"

- Artistas internacionais unidos num acontecimento global

Guy Laliberte, fundador do Cirque du Soleil e da Fundação ONE DROP(TM), revelou o conceito artístico por detrás da sua missão social poética que será levada a cabo a partir da Estação Espacial Internacional (EEI). Este é o primeiro acontecimento artístico e social de sempre com origem no espaço.

Para ver o Comunicado de Imprensa Multimédia, consulte: http://multivu.prnewswire.com/mnr/cirquedusoleil/40521/

Sob o tema "Moving Stars and Earth for Water" ("Mover as Estrelas e a Terra pela Água"), a missão social poética irá ter lugar no dia 9 de Outubro de 2009 (GMT), em simultâneo em 14 países em todo o mundo. Durante 120 minutos, a terra irá contemplar as estrelas e vibrar ao ritmo dos artistas e figuras reconhecidas em todo o mundo, que irão demonstrar o seu compromisso para com a água e prestar homenagem a este recurso natural de importância vital.

14 cidades em cinco continentes... e o espaço

O acontecimento irá ter lugar em simultâneo às 20:00 (EDT, a -4 horas do GMT), em Montreal, Moscovo, Santa Mónica, Nova Iorque, Joanesburgo, Bombaim, Marraquexe, Sidney, Tóquio, Tampa, Cidade do México, Rio de Janeiro, Paris, Londres e Estação Espacial Internacional.

Em cada uma das cidades, um "momento artístico" irá revelar a presença dos artistas e de personalidades conhecidas mundialmente. Cada cidade irá ter a sua própria temática relacionada com a água. Já foi confirmada a presença de: Antigo Vice-presidente norte-americano Al Gore, A. R. Rahman, Cirque du Soleil, Claude Challe, Dr. David Suzuki, Fnaire, Frank De Winne, Garou, Gilberto Gil, Gregory Colbert, Jean Lemire, Julie Payette, Maud Fontenoy, Patrick Bruel, Peter Gabriel, Peter Lik, Shakira, Simon Carpentier, Tatuya Ishii, Tetsuko Kuroyanagi, Tiffany Speight, U2, Vandana Shiva e Yann Arthus-Bertrand. Irão marcar presença no evento quer por ler partes do poema, por actuar ou por partilhar um trabalho artístico.

"Durante os últimos 25 anos, as minhas viagens pelo mundo permitiram-me conhecer pessoas extraordinárias: artistas, líderes e amigos," continuou Guy Laliberte. "Estou profundamente emocionado por terem aceitado contribuir com as suas vozes, o seu talento e a sua criatividade para o meu projecto artístico. Assim o fizeram porque partilham as minhas preocupações sobre a água e a minha crença de que através da arte e das emoções poderemos entregar uma mensagem universal."

Um conto poético para a água

As artes, incluindo música, dança, artes visuais e fotografia, servem como o fio condutor para a missão social poética de Guy Laliberte de gerar consciência em toda a parte através da emoção. Cada actuação artística irá incluir um subtexto que apresenta factores humanitários associados aos problemas da água.

Central a este conceito está o conto poético imaginado por Guy Laliberte e escrito pelo reconhecido autor canadiano Yann Martel (Life of Pi). A história será entregue bocado a bocado, numa cidade de cada vez, e lida por personalidades conhecidas.

"Quando decidi juntar-me à Expedição 21, sabia que haveria uma componente artística na minha missão," disse Guy Laliberte. "Sou um artista, não um cientista, portanto era meu dever contribuir da minha própria forma. No primeiro dia do meu treino, comecei a reflectir sobre a minha abordagem artística. A inspiração chegou a partir de contos e sonhos de criança. Decide que o enquadramento artístico do nosso acontecimento global seria um conto poético. O meu desejo é tocar as pessoas através de uma abordagem artística e, se o conseguirmos, iremos para lá da consciencialização."

O papel de Guy Laliberte no projecto artístico

Ao longo da sua expedição a bordo da Estação Espacial Internacional, Guy irá apresentar vídeos e fotografias que serão integrados nos eventos a decorrer em cada uma das 14 cidades. Estas imagens irão impulsionar o seu ponto de vista privilegiado sobre a terra e irá partilhar as suas impressões com o público em cada cidade.

"Durante o treino e preparação para este voo, descobri que muitos na comunidade espacial internacional partilham das minhas preocupações sobre a água e que apoiam o meu projecto," disse Guy. "Perceberam as minhas intenções e concordaram com o facto de uma linguagem artística permitir-nos não apenas tocar a comunidade espacial, mas também as pessoas que não se interessam normalmente pelas actividades espaciais. Quero agradecer-lhes pela sua abertura e compreensão genuínas. Para mim, o seu apoio é de um valor incalculável pois confirma que mesmo que sejamos seis mil milhões, podemos trabalhar em conjunto em direcção a um objectivo comum e mudar o mundo... um passo de cada vez, uma gota de cada vez."

Um webcast global

Todos os 14 eventos serão disponibilizados, ao vivo e na sua totalidade em onedrop.org, numa parceria mundial com a aol.com.

Guy Laliberte irá viajar para a EEI a bordo da nave Soyuz TMA-16 com os membros da tripulação da Expedição 21: o cosmonauta russo Maksim Surayev (Comandante) da Agência Espacial Russa (FSA) e o astronauta da NASA Jeffrey Williams (Engenheiro de Vôo). Guy irá tornar-se no primeiro explorador espacial particular oriundo do Canadá. A sua jornada irá ser a primeira missão artística e social no espaço. Ele está previsto para pousar 11 de Outubro.

FONTE Cirque du Soleil