Uma chama que todos carregamos:

Cerimônia de abertura comemora a história de uma terra, o coração de um povo e Jogos para nunca esquecer

Jul 13, 2015, 10:27 ET from Toronto 2015 Pan/Parapan American Games

TORONTO, 13 de julho de 2015 /PRNewswire/ -- A cerimônia de abertura dos Jogos Pan-americanos de TORONTO 2015, produzida pelo Cirque du Soleil, parceiro criativo oficial da cerimônia, falou sobre o duradouro legado das Primeiras Nações, o acolhimento de culturas de todas as partes do mundo, o poder inspirador dos atletas e o legado de orgulho dos heróis esportivos canadenses para um público de 45.000 pessoas que assistiram à cerimônia ao vivo, em evento com lotação esgotada, e para centenas de milhões de domicílios que assistiram à transmissão do evento em todo o mundo. 

A equipe de revezamento canadense de 4 x 100m que emocionou o país com sua medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 1996, participou de uma corrida histórica de entrega da tocha olímpica que culminou no topo da CN Tower, a qual, até 2010, era a torre, edifício e estrutura mais altos do mundo. Em seguida, o público acompanhou a lenda do atletismo canadense, Donovan Bailey, e o viu saltar da CN Tower segurando a tocha, entrar pelo teto do estádio e entregar a chama da cerimônia de abertura.   

Depois que foram hasteadas as bandeiras dos Jogos Pan-americanos e dos Jogos Olímpicos, Saäd Rafi, diretor executivo do Comitê Organizador dos Jogos Pan-americanos e Parapan-americanos de TORONTO 2015 (TO2015), falou sobre a emoção dos Jogos e o legado que deixam. "A lembrança desses Jogos, e as lindas sedes que deixamos transmitirão uma mensagem para os jovens do futuro: Tentem, porque vale a pena. Tenham esperança, porque é o correto. Sejam idealistas, porque isso é sabedoria", disse Rafi.  

O presidente da Organização Desportiva Pan-americana (Odepa), Julio C. Maglione, deu as boas-vindas aos Jogos aos atletas e visitantes. Em seguida, apresentou-se um vídeo em homenagem a Mario Vázques Raña, que faleceu em 2015 enquanto era presidente da Odepa. O governador geral do Canadá, David Johnston, disse as palavras que todos esperavam ouvir: "Esta noite declaro solenemente abertos os 17º Jogos Pan-Americanos".     

Em um momento familiar emocionante, Marita Payne-Wiggins, membro da equipe olímpica canadense de revezamento de 4 x 400m que ganhou a medalha de prata em 1984, passou a tocha a seu filho, Andrew Wiggins, astro canadense de basquete da NBA. Wiggins subiu os degraus do estádio para encontrar o último atleta que carregaria a tocha, Steve Nash, duas vezes vencedor do Prêmio Jogador mais Valioso da NBA e atual gerente geral da seleção masculina de basquete do Canadá. Com a pira dos Jogos Olímpicos acesa, os 6.100 atletas de 41 países e territórios deram início às competições nos 36 esportes dos Jogos Pan-americanos de TORONTO 2015. 

Para ver fotos da cerimônia de abertura, favor acessar http://toronto2015.mediaroom.com/pad.

Para obter mais informações, favor contatar:
Principal centro de imprensa: mpcmainhelpdesk@toronto2015.org 416-957-3414
Equipe de mídia: media@toronto2015.org ou 416-957-3409

FONTE Toronto 2015 Pan/Parapan American Games

SOURCE Toronto 2015 Pan/Parapan American Games