2014

Criação de crescimento através de F&A está sendo contida pela falta de pensamento conjunto em processos de F&A - Novo estudo mundial da Eversheds revela que a devida diligência da negociação não se enfoca o suficiente na integração pós-negociação

- Pouco ou nenhum foco além da transação de negociação para a pós-integração está comprometendo os benefícios e o valor de F&A transnacionais

- Os processos internos são tão culpados quanto os fatores externos

LONDRES, 15 de outubro de 2012 /PRNewswire/ -- As empresas internacionais não estão percebendo todo o potencial das fusões e aquisições (F&A) transnacionais como meio de impulsionar o crescimento devido a debilidades no processo de negociação. Um novo estudo mundial, O projeto F&A: do início à integração (The M&A Blueprint: Inception to Integration), publicado hoje pelo escritório de advocacia internacional Eversheds, mostra que equipes de negociação precisam de uma abordagem mais holística e conexões mais fortes entre as fases de planejamento, conclusão e integração pós-negociação.

O estudo envolveu mais de 400 empresas multinacionais* que trabalharam em negociações transnacionais de F&A nos últimos três anos. Ele mostrou que quase a metade (43%) das empresas acredita que a causa mais comum para que as negociações não alcancem seus objetivos de maneira exitosa é a incapacidade de lidar com a integração pós-negociação desde os estágios iniciais da devida diligência da negociação.

O relatório também mostra que o risco legal é um fator cada vez mais importante na avaliação de negociações potenciais. O diretor jurídico proporciona recomendações essenciais nesta fase e mais da metade (59%) de todos os entrevistados afirmaram ter identificado questões potencialmente prejudiciais o suficientemente cedo para alertar a gerência sobre o prosseguimento da negociação.

A pesquisa destaca que os compradores menos experientes consideram o processo desafiador, mas mesmo aqueles com muito conhecimento acreditam que há necessidade de melhorias.

Keith Froud, parceiro de F&A na Eversheds, afirmou:

"O cenário econômico atual tornou a atividade de realizar negociações muito mais difícil, e a pesquisa destacou uma forte consciência do risco no processo. No entanto, as diretorias da empresa estão sob pressão para assegurar o crescimento e a F&A é uma ferramenta de negócio essencial para alcançar isso, especialmente para organizações que pensam em explorar ou aumentar sua penetração em novos mercados internacionais."

"Nossa pesquisa mostra que o fator predominante que contribui para o sucesso de uma negociação transnacional é a presença de uma equipe central que proporciona o 'tecido conjuntivo' que une todas as fases, levando a negociação da fase inicial até a integração pós-conclusão. As empresas precisam começar a unir os pontos entre os diferentes estágios do ciclo de negociação para mudar o foco de apenas 'fazer a negociação' para pensar sobre a vida do negócio além da negociação."

"Mais de três quartos das atividades de negociação da Eversheds são transnacionais e sempre recomendamos aos nossos clientes que adotem uma abordagem de gerenciamento de projetos para o ciclo de vida da negociação. Isso ajuda a fazer com que eles se enfoquem na integração pós-negociação – e alcancem o máximo valor da negociação – desde o início."

"Nossas constatações também mostram que muitas empresas sabem que podem melhorar e querem ver as melhores práticas em ação em todas as transações. Então, com a publicação deste relatório, extraímos as principais áreas que os negócios identificaram como melhores práticas no processo internacional de negociações."

O relatório O projeto F&A: do início à integração (The M&A Blueprint: Inception to Integration) especifica o modelo para o sucesso em negociações transnacionais, conforme identificado pelos próprios negociadores:

1.   Início

  • Desde o início – 38% das negociações em que a equipe interna foi chamada muito tarde tiveram problemas durante a integração.
  • Alerta antecipado – 59% de todos os entrevistados afirmaram ter identificado questões potencialmente prejudiciais o suficientemente cedo para alertar que a negociação não deveria continuar.

2.   Planejamento e devida diligência.

  • A fase crucial – 43% afirmaram que a causa mais comum da incapacidade de recuperar o valor nas transações se deve a erros evitáveis na fase de devida diligência e planejamento.
  • Pensamento conjunto – 70% acreditam que unir a devida diligência e o planejamento de integração ajudaria a melhorar o processo de negociação.

3.   Execução da negociação

  • O que mais importa – As razões pelas quais o diretor jurídico recomendaria não prosseguir com uma negociação foram ilegalidade/normativa (45%), ex.: suborno, concorrência e antitruste e questões comerciais (45%), ex.: preço e avaliação, risco de litígio, custos de integração.

4.   Integração

  • Uma economia falsa? – 83% não utilizaram advogados externos em grande medida durante a integração, embora tenham sido autorizados a agregar valor. A principal razão foi o custo.
  • Evitar divergências – 26% acreditam que a incapacidade de recuperar valor em uma negociação transnacional de F&A recente se deve ao desalinhamento entre negociadores legais e a equipe de negócios do dia a dia.

O relatório também constatou que as empresas são duas vezes e meia mais propensas a enfrentarem problemas na integração se as equipes jurídicas internas forem envolvidas no processo de maneira tardia. Isso é particularmente verdadeiro para aqueles que possuem menos experiência no processo de negociação, e o relatório mostra que as empresas cujas equipes jurídicas internas trabalharam em menos de dez negociações transnacionais nos últimos dois anos eram mais propensas a enfrentar problemas na fase de integração.

Além disso, o relatório revela que a assessoria jurídica, tanto interna como externa, atualmente é solicitada muito tarde e não em um nível estratégico. A assessoria jurídica adequada em cada estágio do ciclo de negociação é fundamental para o sucesso das transações de F&A.

O relatório completo pode ser solicitado através do e-mail imogenlee@eversheds.com

Notas aos editores

* A pesquisa foi realizada entre maio de 2012 e julho de 2012. A amostra inclui respostas de 400 negociadores internos, de 41 países diferentes, que são responsáveis pelos aspectos legais de F&A transnacionais e que realizaram pelo menos uma negociação transnacional de F&A no valor de mais de US$ 100 milhões nos últimos três anos.

Sobre a Eversheds LLP

A Eversheds LLP e seus escritórios associados em todo o mundo possuem mais de 4.500 consultores jurídicos e de negócios, oferecendo serviços jurídicos de alta qualidade aos setores público e privado e às comunidades de negócios e financeira. O acesso a todos esses serviços é proporcionado através das operações mundiais da empresa. A Eversheds combina conhecimento e acesso ao mercado local com a especialização, os recursos e a capacidade de um dos maiores escritórios de advocacia do mundo.

www.eversheds.com

FONTE  Eversheds

FONTE Eversheds

SOURCE Eversheds



RELATED LINKS
http://www.eversheds.com

Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.