PR Newswire: news distribution, targeting and monitoring
2014
See more news releases in Banking & Financial Services  | Mining  | Mining & Metals

Gran Colombia Gold anuncia restruturação administrativa, mais reduções de custos - para chegar a um custo global (all-in) de manutenção de US$950 por onça em 2014 - e o recebimento de um empréstimo ponte de US$4 milhões

Share with Twitter Share with LinkedIn
Translations:
Português

TORONTO, 4 de fevereiro de 2014 /PRNewswire/ -- A Gran Colombia Gold Corp. (TSX: GCM) (OTC: TPRFF) anunciou hoje que implementou ações para reforçar sua equipe administrativa, melhorar sua estrutura de custos e que assegurou um financiamento ponte, antecipando sua prospecção de  financiamento (veja o comunicado de notícias da empresa datado de 19 de novembro de 2013).

O Conselho de Diretores escolheu o Sr. Lombardo Paredes Arenas como diretor-executivo (CEO) da Gran Colombia Gold. A Srta Maria Consuelo Araujo será designada para um novo papel, como presidente da empresa, e focará seus esforços em relações governamentais e responsabilidade corporativa.

Comentando sobre os anúncios de hoje, Serafino Iacono, co-presidente executivo da Gran Colombia Gold, afirmou, "Nós estamos motivados com a chegada do Sr. Paredes à nossa equipe, uma vez que estamos nos preparando para a implementação de quatro operações de mineração novas e modernas em Segovia e focando na melhoria da eficiência de nossas atuais operações. "Olhando para 2014" – o Sr. Iacono acrescentou – "Nós estamos atualmente completando nosso plano operacional para 2014 que é concebido para oferecer uma estrutura de custo que posiciona a empresa para gerar o fluxo de caixa necessário para atender às nossas obrigações financeiras 2014.".

O Sr. Paredes assumiu o papel de CEO com efeito a partir de 1 de fevereiro de 2014 e traz para sua posição 20 anos de liderança cooperativa e administração de operações no setor de recursos da América Latina. Antes de se tornar um consultor independente em energia e desenvolvimento de projetos ambientais, o Sr. Paredes  ocupou diversos papéis com responsabilidade em planejamento regional de investimentos e desenvolvimento social para o Leste da Venezuela, na Petroleos de Venezuela (PDVSA), e foi diretor executivo e membro do Conselho da Maraven S.A. (uma filial da PDVSA), com responsabilidade pela construção e entrada em operação do Projeto de Conversão da Refinaria Cardon (Refineria Cardon), de US$ 6,2 bilhões, e foi gerente geral de sua Divisão de Operações de Produção, com 5.000 empregados e produção de óleo de 800 KBbls por dia. O Sr. Paredes  é bacharel em ciência da engenharia mecânica e mestre em análise econômica e economia financeira.  

Em janeiro de 2014, a Gran Colombia completou uma reestruturação de suas operações em Segovia, para continuar a expansão e modernização das atividades de mineração e melhorar a segurança das operações de mineração e processamento. Determinadas funções críticas serão diretamente empregadas da Gran Colombia e uma empresa local foi contratada para desenvolver as atividades de mineração nas áreas operadas pela empresa em Segovia. Este nova encarregada de dar continuidade às atividades de mineração será remunerada por seus serviços com base nas toneladas extraídas, reduzindo assim os custos de mineração por tonelada e transformando a antiga estrutura de custo operacional em um custo variável, mais proximamente alinhado com a produção, receita e fluxos de caixa.

Como resultado desta reestruturação de custo operacional e da concentração do plano de mineração nas áreas de graus mais altos, em Segovia – o que é apoiado por seu contínuo investimento em desenvolvimento de mina – a empresa espera que seu custo global (all-in) de manutenção ("AISC", em inglês) caia, em 2014, para uma média anual de aproximadamente US$950 por onça, abaixo de nossa média anual preliminar de aproximadamente US$1.300 por onça, em 2013.  A estimativa do AISC por onça de 2014 é baseada nos níveis atuais do preço do ouro e vai aumentar ou diminuir até certo ponto como resultado da capacidade natural da empresa de cobrir financeiramente sua estrutura de custos quanto à flutuação do preço do ouro relacionada a seus contratos de mineração artesanal, que remuneram as cooperativas por seus serviços de mineração sob uma fórmula atada aos preços do ouro recuperado e local. A empresa também necessitará de aproximadamente US$200 por onça para pagamento de seus débitos e outras obrigações financeiras em 2014, incluindo seus títulos relacionados a ouro e prata.

Em 19 de novembro de 2013, a Gran Colombia anunciou o registro de um formulário preliminar resumido de prospecção em todas as províncias do Canadá, exceto Quebec, em conexão com uma oferta do tipo "melhores esforços" ("best efforts")  do mínimo de US$7 milhões, e  máximo de US$15 milhões, de unidades da Gran Colombia a um preço por unidade a ser determinado pelo contexto do mercado.  A empresa também anunciou que certos acionistas e diretores da empresa indicaram que pretendem adquirir um mínimo de US$5 milhões de unidades da oferta. Em antecipação à oferta proposta, a Gran Colombia recebeu um empréstimo ponte sem juros de US$4 milhões dos acima mencionados acionistas e pessoal, que deverá ser devolvido e contabilizado na forma de uma subscrição das ações da oferta proposta. O produto do empréstimo ponte está sendo usado para financiar a reestruturação operacional referente ao acima e para capital de giro.

A oferta de títulos anteriormente mencionada neste comunicado não foi e não será registrada sob a Lei de títulos dos Estados Unidos de 1933 (United States Securities Act of 1933), como emendada (a "Lei de títulos dos EUA"), ou quaisquer leis de títulos dos Estados Unidos e podem não ser oferecidas ou vendidas, direta ou indiretamente, nos Estados Unidos, seus territórios ou possessões, ou para qualquer cidadão norte-americano (como definido no regulamento S da Lei de títulos dos EUA), a menos que seja uma isenção disponível às regras de registros da Lei de títulos dos EUA. Este comunicado de notícias não constitui uma oferta de venda ou uma solicitação de uma oferta de compra de quaisquer títulos dentro dos Estados Unidos, seus territórios ou possessões, ou para ou em nome de qualquer cidadão dos EUA.

 Sobre a Gran Colombia Gold Corp.

A Gran Colombia é uma empresa canadense de exploração, desenvolvimento e produção de ouro e prata com seu foco primário na Colômbia. A Gran Colombia é atualmente a maior produtora subterrânea de ouro e prata da Colômbia, com várias minas subterrâneas em operação, em suas operações Segovia e Marmato.  Além disso, a Gran Colombia também está avançando um projeto para desenvolver uma mina de ouro e prata de larga escala, em suas operações Segovia.

Informações adicionais sobre a Gran Colombia Gold podem ser encontradas no website da empresa em  www.grancolombiagold.com e em um exame da página da empresa no SEDAR em www.sedar.com.

Aviso Legal sobre informações prospectivas:

Este comunicado de noticias contem "informações de caráter estimativo", que podem incluir, mas não estão limitadas a, afirmações com respeito ao futuro desempenho financeiro ou operacional da empresa e seus projetos e, especificamente, afirmações com respeito à antecipação do crescimento da produção anual de ouro e redução de custos em espécie. Com frequência, mas não sempre, informações estimativas podem ser identificadas pelo uso de palavras como "planeja", "espera", "é esperado", "orçamento", "programado", "estima", "prevê", "pretende", "antecipa", ou "acredita" ou variações (incluindo variações negativas) de tais palavras e expressões, ou afirmam que certas ações - eventos ou resultados "devem", "deveriam", "podem", "poderiam" ou "serão" tomadas - ocorrer ou ser alcançados. Declarações de caráter estimativo envolvem riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores que podem levar os resultados de fato, desempenho ou realizações da Gran Colombia a serem materialmente diferentes de quaisquer resultados futuros, desempenho ou realizações, expressos ou implícitos nestas declarações. Fatores que poderiam levar os resultados de fato a diferirem daqueles antecipados aqui estão descritas sob a legenda "Fatores Riscos" no Informativo Anual da Empresa datado de 26 de março de 2013, que está disponível para visualização no SEDAR, em www.sedar.com Afirmações do tipo aqui contidas estão de acordo com a data deste comunicado e a Gran Colombia rejeita, de outra forma que não a exigida pela lei, qualquer obrigação de atualizar qualquer uma delas, seja por causa de uma nova informação, resultados, eventos futuros, circunstâncias ou se as estimativas ou opiniões da administração vierem a ser modificadas ou de qualquer outra maneira. Não pode haver garantias de que declarações de caráter estimativo comprovarão ter sido precisas, uma vez que os resultados reais e eventos futuros poderiam diferir materialmente daqueles antecipados por meio delas. Sendo assim, recomenda-se ao leitor que não deposite excessiva confiança em afirmações desta natureza.

Para mais informações:

Roy MacDonald
Vice-presidente de relações com o investidor
+1 (416) 360-4653
investorrelations@grancolombiagold.com

(GCM. GCM.WT. TPRFF)

FONTE  Gran Colombia Gold Corp.

 

 

 

 

FONTE Gran Colombia Gold Corp.

SOURCE Gran Colombia Gold Corp.



RELATED LINKS
http://www.grancolombiagold.com

Featured Video

Journalists and Bloggers

Visit PR Newswire for Journalists for releases, photos, ProfNet experts, and customized feeds just for Media.

View and download archived video content distributed by MultiVu on The Digital Center.

Share with Twitter Share with LinkedIn
 

Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

 
 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

 
 

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.

 

Online Member Center

Not a Member?
Click Here to Join
Login
Search News Releases
Advanced Search
Search
  1. PR Newswire Services
  2. Knowledge Center
  3. Browse News Releases
  4. Contact PR Newswire
  5. Send a News Release