Modernização de rotas norte-americanas começa com novas criações culinárias

Mar 22, 2013, 10:43 ET from Air China

PEQUIM, 22 de março de 2013 /PRNewswire/ -- A Air China vai modernizar suas rotas para a América do Norte este ano de modo a atender à crescente demanda de mercado e cimentar sua presença nesta região. A degustação a bordo para as rotas para a América do Norte, realizada em 8 de março, tornou-se o ponto de partida desta empreitada. Dúzias de recém-criados aperitivos, hors d'oeuvres e pratos quentes foram apresentados na ocasião.  

(Logo: http://photos.prnewswire.com/prnh/20080625/CNW017LOGO)

A Air China solicitou comentários dos especialistas em gastronomia e passageiros que participaram da degustação. As novas criações farão os menus da primeira /business classe nas rotas da Air China de Pequim para Los Angeles, Nova York e São Francisco, como também na quarta rota da Air China para a América, Pequim-Houston, a ser lançada neste julho.

As novas criações são baseadas em sugestões de especialistas em alimentos de perspectivas nutricionais. Os menus oferecem pratos chineses e ocidentais, melhor para quem gosta de sabores azedos, adocicados e um pouco picantes, como também sobremesas cuidadosamente preparadas para finalizar a refeição. A eficiência de preparação e entrega de alimentos também será ser maximizada -- não vai demorar mais de 45 minutos. E todos os alimentos serão mantidos a temperaturas de 0 a 5 graus Celsius para garantir seu frescor.

O serviço de refeições de bordo afeta a percepção dos passageiros de uma companhia aérea e é uma das áreas principais para avaliação dos serviços gerais de uma empresa.  O empenho da Air China de servir pratos recém-criados vai melhorar a experiência de usuário e a qualidade geral dos serviços nas rotas da transportadora para a América do Norte.

Como parte de sua iniciativa para modernizar as rotas para a América do Norte, A Air China vai também modernizar o interior da cabine. O novo interior da cabine apresenta elementos típicos da cultura chinesa como nuvem, fênix e motivos de telhas antigas, refletindo a antiga percepção filosófica chinesa da relação entre a natureza e o homem, assim como Air China entende as pessoas.

Depois de modernizada, a rota da Air China para Nova York será operada com o B777-300ER, um tipo de aeronave bem popular entre viajantes a negócios, e ampliada para 11 voos semanais. As rotas Pequim- Los Angeles e Pequim-São Francisco da transportadora também serão modernizadas. E o serviço Pequim-Houston também será lançado em julho.

A América do Norte é o segundo maior mercado externo da Air China depois da Europa. Viajantes de Hong Kong, Coréia do Sul, Austrália, Tailândia, Japão, Singapura, Índia, Mongólia e Filipinas podem facilmente conectar com voos para destinos na América do Norte via Pequim.

FONTE  Air China

FONTE Air China

SOURCE Air China