2014

Pacific Coal Resources Ltd. anuncia resultados financeiros do final do ano de 2012

TORONTO, 1 de maio de 2013 /PRNewswire/ -- A Pacific Coal Resources Ltd. (TSXV: PAK) apresentou hoje suas declarações financeiras anuais consolidadas e auditadas para o ano encerrado em 31 de dezembro de  2012, junto com sua discussão e análise da administração ("MD&A", sigla em inglês) e formulário de informação anual para o período correspondente. Todos os valores financeiros contidos neste documento estão expressos em dólares norte-americanos, a menos que informado de outro modo. Estes documentos serão postados no site da empresa, em www.pacificcoal.ca, e no perfil da empresa, em www.sedar.com.

Hernan Martinez, presidente executivo, comentou: '"Em 2012, a empresa enfrentou questões operacionais e uma contração dos preços internacionais do carvão. Ela suportou a situação, empreendendo uma substanciosa revitalização e alterando seu foco estratégico, incluindo sua reorientação para competências essenciais e mudanças operacionais significativas em nossas localizações de minas de produção de carvão térmico." Olhando para 2013, o Sr. Martinez disse que "Este ano esperamos perceber os benefícios da reorientação do foco estratégico, criar mais eficiência e aumentar o desempenho da empresa.".

Sumário Operacional e Financeiro

Um resumo dos resultados financeiros e operacionais para o quarto trimestre e todo o ano de 2012 é como se segue:



                   Quarto Trimestre

Doze meses encerrados em 31 de dezembro

(000's exceto por ação e dados operacionais)

2012


2011


2012


2011









Operacional








Toneladas de carvão produzido


274.756



356.541



         1.268.08



1.426.750

Taxa média de decapeamento - operações


  11,11:1



   7,79:1



           10,71:1



      7,48:1

Toneladas de carvão vendido (1)


304.165



477.127



       1.270.114



1.694.516

Preço médio obtido por tonelada vendida

$

99,96


$

101,12


$

98,22


$

98,62

Margem operacional por tonelada vendida


(12,90)



4,03



(13,57)



7,38













Financeiro












Receitas

$

30.401


$

48.813


$

129.055


$

167.690

Margem bruta


(5.908)



(618)



(26.355)



5.753

Ganhos (perdas) líquidos atribuídos aos acionistas (2)


(49.868)



(7.236)



(123.752)



(53.616)

Ganhos básicos e totalmente diluídos (perdas) por ação (3)


(1,08)



(0,15)



(2,69)



(1,23)

Total em espécie


4.102



11.062



4.102



11.062

Total do ativo


242.047



369.562



242.047



369.562

Total do débito (4)


58.584



40.434



58.584



40.434
















(1)

Inclui carvão comprado de terceiros para venda.

(2)

O prejuízo líquido para o quarto trimestre de 2012 incluiu perdas de US$39,2 milhões e US$8,5 milhões nas operações Cerro Largo e Jam, respectivamente. O prejuízo líquido para o ano encerrado em 31 de dezembro de 2012 inclui uma perda de US$8,1 milhões, provocada pela reclassificação da subsidiária da empresa, Sociedad Portuaria Terminal de las Flores S.A., a ser colocada à venda, e uma perda de US$35,6 milhões, na operação Cerro Largo. Veja a seção "Perdas de ativos não correntes" da MD&A.

(3)

Em uma reunião especial dos acionistas realizada em 11 de março de 2013, os acionistas da empresa aprovaram uma consolidação de ações, em que sete ações ordinárias da empresa foram trocadas por uma ação ordinária nova. Isto também resultou em uma consolidação dos warrants de compra das ações da empresa em circulação e opções de estoque.

(4)

O montante total da dívida inclui US$27,6 milhões devidos à Masering S.A.S. em 31 de dezembro de 2012 (31 de dezembro de 2011 - US$4,5 milhões).

   

Destaques 2012

  • A empresa produziu 1.268.082 toneladas de carvão em 2012.  A produção de 86.414 toneladas em Cerro Largo, no quarto trimestre, esteve em consistente com o quarto trimestre de 2011, embora a produção de 188.342 toneladas em La Caypa tenha sido mais baixa, com base principalmente na mudança de operadora.  
  • O total de US$129,1 milhões das receitas de 2012 reflete vendas de aproximadamente 1,3 milhão de toneladas de carvão a um preço médio realizado de US$98,22 por tonelada.  O total das receitas para o quarto trimestre de 2012 foi de US$30,4 milhões, em vendas de 304.165 toneladas de carvão, a um preço médio realizado de US$99,96 por tonelada.  As vendas de carvão no quarto trimestre de 2012 foram de aproximadamente 70%, com base em FOB.
  • A perda de margem operacional total no quarto trimestre de 2012, com base na tonelada vendida, foi 5% mais baixa do que a perda de margem operacional de 2012, mas mais alta do que no terceiro trimestre 2012, inicialmente devido a uma interrupção de curto prazo na mina La Caypa, quando a empresa substituiu a operadora da mina.
  • No segundo semestre de 2012, a empresa trabalhou para identificar seus problemas operacionais e considerar alterações para seus futuros planos estratégicos.  Isto levou à implementação de uma nova operadora de mina em La Caypa e à assinatura, pela empresa, de um memorando de entendimento, em janeiro de 2013, para explorar a entrada em uma joint venture para utilização do carvão térmico de Cerro Largo para operação de uma usina.
  • Como resultado da reorientação dos planos de longo prazo da empresa, ela vendeu seus investimentos em Blue Advanced Colloidal Fuels ("BACF") por recursos de caixa de US$5,0 milhões, no quarto trimestre de 2012, mas manteve o direito de adquirir até 10% de BACF por US$10 milhões, no futuro.  A renda foi usada nas atividades de operação e vendas da empresa em suas locações produtoras de carvão e coque.
  • A empresa iniciou medidas econômicas no segundo de trimestre de 2012.  Durante o quarto trimestre de 2012, estas iniciativas contribuíram para uma redução de 26% nas despesas gerais e administrativas (G&A), para US$2,3 milhões, comparados aos US$3,1 milhões do terceiro trimestre de 2012, somando-se às reduções de 29% e 6% já alcançadas no segundo e terceiro trimestres de 2012, respectivamente. A empresa antecipa uma projeção da taxa G&A de aproximadamente US$1,9 milhão em 2013.
  • A empresa suspendeu a atualização dos seus relatórios técnicos de mina 43-101, para as minas La Caypa e Cerro Largo, devido às mudanças operacionais na empresa, no quarto trimestre de 2012, com planos de reiniciar os estudos no segundo trimestre de 2013 e uma publicação antecipada destes relatórios no final do terceiro trimestre de 2013.
  • O prejuízo líquido de US$49,9 milhões (US$1,08 por ação), no quarto trimestre de 2012, inclui US$39,2 milhões (US$0,85 por ação) e US$8,5 milhões (US$0,18 por ação) em perdas contábeis não em espécie de Cerro Largo e Jam, respectivamente.  Estas perdas foram provocadas por modificações no plano da mina e aumentos no déficit do capital de giro das entidades, no caso de Cerro Largo, e reduções nos preços de carvão metalúrgico e coque, para Jam.

Perspectiva

A empresa encerrou 2012 com uma perspectiva mais clara sobre o futuro, depois de enfrentar um ano com diversos problemas operacionais, assim como uma contração internacional dos preços do carvão. A empresa perseverou, minimizou custos, onde necessário, e implementou planos operacionais desenvolvidos pela nova e forte equipe administrativa. A redução de custos incluiu a substituição da  operadora da mina La Caypa e o início dos planos para que a operação própria de Cerro Largo, ambas decisões importantes que, crê a empresa, ajudará a levar os custos a níveis razoáveis.

Em La Caypa, a empresa substituiu a operadora de mina pela Masering, antiga operadora de Cerro Largo. A Masering iniciou as operações no local em fevereiro de 2013.  Progressos significativos foram feitos com o trabalho de desenvolvimento na escavação sul e a produção deverá começar no primeiro trimestre de 2014.  A empresa está em processo de contratação de uma operadora subterrânea internacional líder para La Caypa com expectativa de que a mineração subterrânea também comece no primeiro trimestre de 2014. Com a Masering na posição de operadora, a empresa antecipa a produção de 1,0 milhão de toneladas na mina La Caypa em 2013, um aumento de 12% sobre os resultados de produção de 2012.

Em Cerro Largo, em um esforço para continuar a reduzir os custos operacionais, a empresa assumiu as operações da Masering em abril de 2013.  Em outubro de 2012, a empresa superou a questão da concentração de lama no fundo da mina a céu aberto, o que auxiliou na redução de 16% da taxa de decapeamento da mineração, entre o terceiro e o quarto trimestre de 2012. A empresa acredita que a produção da mina Cerro Largo será de 600.000 toneladas em 2013, um aumento de 60% da tonelagem produzida em 2012.

A produção de carvão metalúrgico (metcoal) da empresa na mina Jam foi suspensa e a produção de coque foi limitada durante o segundo semestre de 2012, como uma consequência dos altos custos e preços internacionais fracos.  No quarto trimestre de 2012, a empresa decidiu que a melhor decisão para Jam era entrar em uma relação comercial com outra empresa de mineração com experiência em carvão metalúrgico e coque, e então usar o coque em suas futuras operações ou vendê-lo para terceiros. Com esta abordagem em mente, a empresa acredita que pode fechar um negócio que resultaria no arranque da produção da planta de coque a partir de maio de 2013.  A empresa continua a buscar também por várias alternativas para renovação da mina Jam, de modo a maximizar a experiência operacional, com esperanças de reiniciar a produção de carvão metalúrgico no segundo trimestre de 2014.

A empresa assinou um acordo com uma terceirizada para realizar uma análise, custeada pela terceirizada, dos resultados da exploração de asfaltita na propriedade La Tigra, para determinar as perspectivas do local. A conclusão da análise é esperada para o segundo trimestre de 2013, quando a empresa determinará um curso adequado das ações para a propriedade.  

Sobre a Pacific Coal Resources Ltd.

A Pacific Coal Resources Ltd. é uma empresa de mineração com sede no Canadá, voltada para a aquisição, exploração e produção de carvão e produtos de carvão em propriedades situadas na Colômbia. As ações ordinárias e warrants da empresa estão listados na TSX Venture Exchange e são negociadas sob os símbolos "PAK" e "PAK.WT", respectivamente.

Aviso Legal:

Este comunicado de notícias contém "informações prospectivas" que podem incluir, mas não estão limitadas a, declarações com respeito ao futuro desempenho financeiro ou operacional da empresa e de seus projetos. Frequentemente, mas nem sempre, estas declarações podem ser identificadas pelo uso de palavras como "planeja", "espera", "é esperado", "orçamento", "programado", "estima", "prevê", " pretende", "antecipa" ou "acredita" ou ainda variações destas (incluindo variações negativas) e expressões, ou afirmar que certas medidas, eventos ou resultados "devem", "poderiam", "iriam", "talvez irão" ou "serão  tomadas, ocorrer ou se realizar. Declarações estimativas envolvem riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores que podem fazer com que os resultados reais, desempenho ou realizações da Pacific Coal sejam materialmente diferentes de quaisquer futuros resultados, desempenho ou realizações nelas expressos ou implícitos. As declarações estimativas contidas neste documento estão em vigor a partir da data deste comunicado de notícias, e a Pacific Coal isenta-se, exceto quando exigido por lei, de qualquer obrigação de atualizar quaisquer declarações, seja como resultado de novas informações, resultados, eventos futuros, circunstâncias ou se as estimativas da gerência ou opiniões mudarem ou outros fatores. Não pode haver garantias de que declarações estimativas  comprovarão sua precisão, uma vez que os resultados reais e os eventos futuros podem diferir materialmente daqueles nelas antecipados. O leitor é aconselhado  a não depositar confiança excessiva  em declarações estimativas.

Nem a TSX Venture Exchange e nem o seu Regulation Services Provider (como o termo é definido nas políticas da TSX Venture Exchange) aceitam a responsabilidade pela adequação ou precisão deste comunicado de imprensa.

Para mais informações:

Melissa Krishna
Deputy General Counsel & Secretary
(416) 360-8725

(PAK.WT. PAK.)

FONTE  Pacific Coal Resources Ltd.

FONTE Pacific Coal Resources Ltd.

SOURCE Pacific Coal Resources Ltd.



RELATED LINKS
http://www.pacificcoal.ca

Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.