Gran Colombia Gold produz 9.988 onças de ouro em agosto de 2013

TORONTO, 13 de setembro de 2013 /PRNewswire/ -- A Gran Colombia Gold Corp. (TSX: GCM, OTC: TPRFF) anunciou hoje que produziu um total de 9.988 onças de ouro e 15.273 onças de prata em agosto de 2013 em suas operações de mineração subterrânea em Segovia e Marmato na Colômbia. Com isso, a produção acumulada do ano passa a ser de 70.939 onças de ouro e 104.475 onças de prata.

Serafino Iacono, copresidente executivo da Gran Colombia, comentando sobre a atualização da produção, disse, "Nos últimos seis meses, alcançamos a média de 9.270 onças de ouro, mantendo-nos no caminho de cumprir a nossa orientação de produção de 2013 de 110.000 onças de ouro. Em Segovia, continuamos fazendo os ajustes necessários no nosso modelo de negócio para reduzir os custos de sustentação gerais, os quais deverão estar abaixo de US$ 1.150 por onça até o quarto trimestre deste ano."

No início de agosto, a empresa tomou medidas adicionais para reduzir seus custos de sustentação gerais em Segovia, através de uma redução da força de trabalho nas minas de grau inferior operadas pela empresa e diminuiu as tonelagens processadas nestas áreas de mineração em agosto em cerca de 50% para concentrar os esforços no programa de desenvolvimento de mina em curso para acessar áreas de grau mais elevado, mais tarde no quarto trimestre. Simultaneamente, a companhia aumentou o processamento de tonelagens dos operadores de mineração contratados de mais alto grau em cerca de 11 por cento. Em consequência, o total de toneladas processadas em agosto na planta Maria Dama caiu para 760 toneladas por dia (tpd) e os teores aumentados em cerca de 37% para 11,6 gramas por tonelada (g/t). No final de agosto, a planta Maria Dama reduziu as operações durante um período de cinco dias para completar certos procedimentos anuais de manutenção, inclusive a substituição dos revestimentos de moinhos, sem qualquer impacto adverso na produção total de ouro no mês, que se elevou a 8.105 onças. Com isso, a produção total do ano de Segóvia é de 56.333 onças de ouro.

Processando 809 tpd a um teor médio de 2,7 g/t, a mina subterrânea Marmato continuou em um ritmo constante em agosto, produzindo 1.883 onças de ouro. A produção de ouro do ano em Marmato totalizou 14.606 onças de ouro.

Sobre a Gran Colombia Gold

A Gran Colombia é uma empresa canadense de exploração, desenvolvimento e produção de ouro e prata, com atividades concentradas principalmente na Colômbia. A Gran Colombia é atualmente a maior produtora de ouro e prata em minas subterrâneas da Colômbia, com diversas minas subterrâneas em operação em Segovia e Marmato. Além disso, a Gran Colombia está adiantando um projeto para desenvolver uma mina para exploração, em grande escala, de ouro e prata, em suas operações de Marmato.

Mais informações sobre a Gran Colombia podem ser encontradas no website da empresa, em www.grancolombiagold.com e examinando a página da empresa no sistema SEDAR, em www.sedar.com.

Este comunicado à imprensa contém "informações prospectivas", que podem incluir – sem se limitar a, declarações relacionadas ao futuro desempenho financeiro ou operacional da empresa e de seus projetos e, especificamente, declarações concernentes ao crescimento esperado em produção anual de ouro e redução dos custos de caixa. Frequentemente, mas nem sempre, declarações prospectivas podem ser identificadas pelo uso de palavras tais como "planeja", "espera", "é esperado", "orçamento", "programado", "estima", "prevê", "pretende", "prediz" ou "acredita" ou variações (incluindo variações negativas) de tais palavras ou frases ou declaram que certas ações, eventos ou resultados "podem", "poderiam", "podiam", "iriam" ou "irão" ser tomadas, realizados ou alcançados. Declarações prospectivas envolvem riscos, incertezas e outros fatores conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores que podem fazer com que os reais resultados, desempenho ou realizações da Gran Colombia sejam materialmente diferentes de quaisquer futuros resultados, desempenho ou realizações expressos ou implícitos nas declarações prospectivas. Fatores que podem fazer com que os resultados reais difiram materialmente dos previstos nas declarações prospectivas são descritos sob o título "Fatores de Risco" no Formulário de Informações Anual (Annual Information Form) da empresa, com data de 26 de março de 2013, que está disponível para verificação no sistema SEDAR, em www.sedar.com. As declarações prospectivas aqui contidas são feitas na data deste comunicado à imprensa e a Gran Colombia rejeita, à exceção do que é exigido por lei, qualquer obrigação de atualizar quaisquer declarações prospectivas, seja em decorrência de novas informações, resultados, eventos futuros, circunstâncias, ou de mudanças nas avaliações e opiniões da administração ou em outros contextos. Não há qualquer garantia de que as declarações prospectivas irão se comprovar exatas, porque resultados reais e eventos futuros podem diferir materialmente dos que foram previstos em tais declarações. Assim, o leitor é advertido a não depositar confiança indevida em declarações prospectivas.

Para mais informações:

Roy MacDonald
Relações com investidores
(416) 360-4653

FONTE  Gran Colombia Gold Corp.

FONTE Gran Colombia Gold Corp.

SOURCE Gran Colombia Gold Corp.



RELATED LINKS
http://www.grancolombiagold.com

Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.