Novo progresso anunciado na ação judicial contra a Assembleia do Prêmio Nobel movida pelo Dr. Rongxiang Xu

 

LOS ANGELES, 11 de março de 2013 /PRNewswire/ -- Assembleia Nobel no Karolinska Institutet, a Assembleia Nobel respondeu ao processo judicial de difamação do Dr. Rongxiang Xu em 22 de fevereiro de 2013 mediante a apresentação de um aviso para remover a ação judicial da Corte Estadual à Corte Federal, em Los Angeles.

(Foto: http://photos.prnewswire.com/prnh/20130305/LA71370)

De acordo com os advogados do Dr. Xu, a transferência do caso para a Corte Federal não afetará a natureza substantiva da ação judicial, mas é apenas um movimento processual estratégico do réu. O processo do Dr. Xu foi impetrado em dezembro de 2012 em relação à entrega do Prêmio Nobel 2012 de Fisiologia ou Medicina pela Assembleia Nobel.

Segundo do Dr. Xu, a ação não tinha a intenção de manchar a reputação da Assembleia Nobel, mas foi movida, em parte, para esclarecer um mal-entendido fundamental sobre a conversão "de células somáticas humanas em células-tronco e a regeneração de tecidos fisiológicos." Através de sua própria investigação sobre a ciência regenerativa humana durante as últimas décadas, o Dr. Xu afirma ter descoberto e comprovado que essa conversão é uma habilidade inata encontrada em nossas células, um fenômeno natural que ele diz ter demonstrado através de aplicações clínicas bem sucedidas inúmeras vezes. De acordo com suas alegações, a conversão celular não exige a engenharia de células feitas pelo homem, que é a abordagem que foi tomada pelos recebedores do Prêmio Nobel 2012.

Em sua queixa, o Dr. Xu fornece exemplos dos resultados de algumas das suas aplicações clínicas, incluindo uma série de patentes e publicações que detalham e verificam a "conversão in situ de células somáticas humanas em células estaminais acompanhada da regeneração in situ de tecidos fisiológicos". Essas aplicações incluem:

  • regeneração da pele in situ para queimaduras graves
  • restauração regenerativa de dedos cortados
  • eliminação regenerativa de cicatrizes cutâneas
  • regeneração in situ de vilosidades degenerativas gastrointestinais atróficas à estrutura normal do estado de jovem

Com base em seus resultados, o Dr. Xu insiste que a "conversão de células somáticas humanas em células-tronco e a regeneração de tecidos fisiológicos" é uma habilidade humana inata e não algo que deva ser criado por células feitas pelo homem. Mas desde que a Assembleia Nobel premiou dois cientistas por esta abordagem, pela conversão de células somáticas artificialmente em um estado da autoproclamada "pluripotência" através da transferência nuclear e reprogramação celular, o Dr. Xu acredita que a Assembleia Nobel tinha o dever de descrever com precisão os trabalhos dos laureados e reconhecer as descobertas do Dr. Xu, que foram demonstradas e comprovadas anos antes. O Dr. Xu acredita que a descrição do trabalho dos laureados da Assembleia Nobel foi enganosa, menosprezou e minou suas realizações científicas e reputação profissional, que é o que levou ao registro da queixa.

O Dr. Xu acredita firmemente que o público deve ser informado sobre a distinção fundamental entre ter a "conversão de células somáticas humanas em células-tronco e a regeneração de tecidos fisiológicos" como uma capacidade humana inata e a conversão produzida por células feitas artificialmente pelo homem. O processo não é apenas uma medida tomada para proteger sua ciência, mas também algo que ele espera que desenvolva no público a responsabilidade dele nas pesquisas biológicas sobre a facticidade do conhecimento. Afinal de contas, o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina representa a corrente central das pesquisas em ciência da vida e influencia diretamente a segurança de vidas humanas, o que é da maior importância.

Sobre Rongxiang Xu

O Dr. Xu é o fundador da ciência da restauração regenerativa do corpo humano. Ele entrou com uma ação em dezembro de 2012 contra a Assembleia Nobel no Karolinska Institutet, um órgão que concede o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina. O processo foi aberto na Corte Suprema do Estado da Califórnia, Centro de Justiça Central do Condado de Orange e cita difamação e concorrência desleal. Em 8 de outubro de 2012, o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina 2012 foi atribuído conjuntamente a Sir John B. Gurdon e Shinya Yamanaka "pela descoberta de que células maduras podem ser reprogramadas para se tornarem pluripotentes. O Dr. Xu alega que algumas das declarações feitas pela Assembleia Nobel eram falsas, já que ele era o cientista que fez a descoberta na década anterior.

http://www.mebo-international.com/about-us/timeline

Por favor, veja um exemplo da ciência da restauração regenerativa abaixo. Para mais informações, entre em contato com:
Jane Westgate: +1-336-209-9276, Jane@westgatecom.com ou
Cheryl Riley: +1-703-683-1798, cherylrileypr@comcast.net.

FONTE  Mebo International

FONTE Mebo International

SOURCE Mebo International



RELATED LINKS
http://www.mebo-international.com

Custom Packages

Browse our custom packages or build your own to meet your unique communications needs.

Start today.

 

PR Newswire Membership

Fill out a PR Newswire membership form or contact us at (888) 776-0942.

Learn about PR Newswire services

Request more information about PR Newswire products and services or call us at (888) 776-0942.