Setor de bens de consumo prevê próximos passos positivos para continuar a expansão da refrigeração de baixo carbono

The Consumer Goods Forum conclui com sucesso a resolução sobre refrigeração e publica folheto que destaca histórias de sucesso sobre a refrigeração natural

Jan 20, 2016, 19:49 ET from The Consumer Goods Forum

PARIS, 20 de janeiro de 2016 /PRNewswire/ -- a conclusão bem-sucedida da resolução sobre refrigeração do Conselho em 2010 e a publicação do primeiro folheto sobre refrigeração. O Conselho do CGF também convocou o Comitê Diretor de Sustentabilidade para desenvolver uma resolução potencial para mostrar como o setor ampliará a refrigeração de baixo carbono no futuro.

(Logo: http://photos.prnewswire.com/prnh/20151201/292056LOGO)

Em  2010, o CGF assumiu o compromisso de enfrentar o crescente impacto climático causado pelos sistemas de refrigeração usados por seus membros. Os gases refrigerantes usados pela maioria dos sistemas (conhecidos como hidrofluorocarbonetos [HFCs]) são poderosos gases de efeito estufa. Na época, as tecnologias de baixo carbono para substituir os HFCs não estavam comprovadas, e foi selado o compromisso de experimentar novas abordagens para a refrigeração até 2015.

Atualmente, os membros do CGF já instalaram sistemas de refrigeração de baixo carbono em mais de 4.000 supermercados, quatro milhões de unidades resfriadoras de bebidas e sorvete no mundo todo e em fábricas, que, em sua maioria, são refrigerantes naturais. Esse trabalho ensinou lições valiosas para o setor sobre problemas como poucas opções de tecnologias de baixo carbono, custos de implementação, demandas de energia, desempenho em climas mais quentes e a disponibilidade de instaladores qualificados e de engenheiros de manutenção.

Esses aprendizados foram inseridos no novo folheto sobre refrigeração, que destaca mais de uma dúzia de exemplos da vida real dos membros de varejo e fabricação do CGF sobre como eles estão reduzindo os HFCs e implementando com sucesso as alternativas de refrigeração natural. O CGF aplaude o envolvimento dos seus membros nessa importante questão e espera que o folheto inspire outras pessoas a fazerem o mesmo.

Emma Coles, vice-presidente de varejo responsável do Albert Heijn e Royal Ahold, e Andre Fourie, gerente sênior de valor ambiental da SABMiller plc, copresidentes do grupo de trabalho de refrigeração do CGF, afirmaram: "O CGF tem sido uma voz de liderança na redução dos nocivos refrigerantes HFC desde 2010. E, embora 2015 já tenha acabado, continuamos comprometidos em ajudar os membros a ampliarem o impacto de suas soluções e em ajudar todo o setor a avançar. Com isso em mente, o Conselho convocou a equipe de sustentabilidade do CGF para que olhe para o futuro e discuta qual é a melhor maneira de continuar essa expansão além de 2015, incluindo a possibilidade de uma nova resolução".

Hoje, o CGF também publicou uma versão atualizada do folheto sobre as mudanças climáticas, que inclui mais de 20 exemplos de como os membros estão fazendo com que as mudanças nas empresas tenham um impacto positivo no clima, por meio de várias atividades sobre o desperdício de alimentos, reciclagem, aquisição sustentável e eficiência energética.

Sobre The Consumer Goods Forum

The Consumer Goods Forum (CGF) é uma rede global do setor baseada na paridade, conduzida por seus membros para estimular a adoção mundial de práticas e padrões para o setor de bens de consumo do mundo todo. Ela reúne diretores gerais e a alta administração de cerca de 400 varejistas, fabricantes, prestadores de serviços e outras partes interessadas de 70 países, além de refletir a diversidade do setor em relação à geografia, tamanho, categoria de produtos e formato. As empresas-membros apresentaram vendas combinadas de 2,5 trilhões de euros e empregam diretamente quase 10 milhões de pessoas, além de uma estimativa de 90 milhões de empregos indiretos ao longo da cadeia de valor. É dirigido pelo Conselho Administrativo, formado por 50 diretores gerais de empresas do varejo e fabricação.

Para mais informações, acesse: http://www.theconsumergoodsforum.com

FONTE The Consumer Goods Forum

SOURCE The Consumer Goods Forum



RELATED LINKS

http://www.theconsumergoodsforum.com